Me acompanhe pelo e-mail

sexta-feira, 27 de maio de 2011

Estudo - O que é Adultério?

O adultério é expressamente proibido no sétimo mandamento, “Não adulterarás.” (Ex 20.14 e Dt 5.18)
Mas, o que é mesmo adultério?
A definição é claríssima:
“Infidelidade conjugal; amantismo, prevaricação.”
O diabo tem investido alto na grande missão de tornar o adultério algo comum, normal, aceitável por todos. Veja-se, por exemplo, os filmes, programas e em especial as novelas nacionais, o adultério esta sempre presente; transmitindo uma imagem de correto ou de solução para problemas conjugais; a forma que é traçada as cenas, induzem aos telespectadores a aceitar e a torcer pelo casal adultero. É o diabo plantando no subconsciente coletivo a idéia desta prática, é lamentável, mas, tem sido muito bem sucedido em suas investidas.
No meio cristão, o adultério tem encontrado lugar, não é raro surgirem comentários estarrecedores desta prática em igrejas, abalando a boa moral da obra do Senhor.
O que leva o servo do Senhor a cair em tais situações?
A resposta mais acertada seria: “Falta de vigilância!”
O Senhor nos alerta a estarmos vigilantes: “Vigiai e orai, para que não entreis em tentação; o espírito, na verdade, está pronto, mas a carne é fraca.” (Mt 26.41)  O diabo está muito próximo (Sede sóbrios e vigilantes. O diabo, vosso adversário, anda em derredor, como leão que ruge procurando alguém para devorar. 1Pe 5.8), ávido por brechas através da quais acessa o homem e o influencia a agir segundo a carne. O Adultério tem sua principal causa na falta de vigilância, o pecado abre acesso para a ação maligna na vida.
Há inúmeros fatores que facilitam ao cônjuge permitir que pensamentos impuros surjam em suas mentes, quando alimentados produzem o ato.
Enumero algumas:
> Más companhias:
“Felizes são aqueles que não se deixam levar pelos conselhos dos maus, que não seguem o exemplo dos que não querem saber de Deus e que não se juntam com os que zombam de tudo o que é sagrado!” (Sl 1.1 NTLH)
É preciso que saibamos escolher as pessoas que vamos constituir como amigos. Jamais devemos criar laços de amizades com pessoas que reconhecidamente são indignas, e, que vivem segundo os impulsos deste mundo pervertido. Há um provérbio popular que exprime grande sabedoria e realidade, observe:
“Diga-me com quem andas e direi quem és!”
Quem são teus amigos? Companheiros? Confidentes? Conselheiros? Orientadores? Devemos possuir a mente de Cristo e apenas os cheios do Espírito Santo possui a mente de Cristo e estão aptos a serem o nosso próximo, muito próximos. É necessário que haja limites e discernimento no agir.
> Concupiscência dos olhos:
“Mas eu lhes digo: quem olhar para uma mulher e desejar possuí-la já cometeu adultério no seu coração.” (Mt 5.28 NTLH)
O Senhor Jesus falando às multidões faz referência ao adultério e foi taxativo ao afirmar: “Quem olhar uma mulher (homem) com desejo sexual, já adulterou com ela (ele)” este texto se aplica com o mesmo valor às mulheres.
Amados de Deus, se não tens estrutura suficiente para resistir aos desejos que surgem no interior, a melhor solução é evitar freqüentar determinados locais (praias, piscinas, etc). Jesus completa dizendo: “Portanto, se o seu olho direito faz com que você peque, arranque-o e jogue-o fora. Pois é melhor perder uma parte do seu corpo do que o corpo inteiro ser atirado no inferno.” (Mt 5.29 NTLH). Na realidade o Senhor não quer que você extirpe o olho, mas, que saiba usá-lo, que não seja instrumento de pecado. Se não tens força o suficiente, evite!
> Falta de sabedoria do cônjuge:
“Que os dois não se neguem um ao outro, a não ser que concordem em não ter relações por algum tempo a fim de se dedicar à oração. Mas depois devem voltar a ter relações, a fim de não caírem nas tentações de Satanás por não poderem se dominar.” (1Co 7.5 NTLH)
O sexo é uma prática que deve ser normal no seio do casamento, sua ausência por algum tempo, necessita do consentimento do cônjuge. Infelizmente, a falta de sabedoria tem encontrado lugar em muitas vidas e regras quanto à freqüência das relações sexuais são inventadas e determinadas como lei, a conseqüência é o surgimento de intrigas, que abrem brechas para a ação do maligno; este possui em suas mãos todo um universo de sexo a oferecer. Irmãos queridos ouçam as palavras ungidas do Apóstolo Paulo e deixem que o óleo do  Espírito Santo seja derramado sobre vossas vidas.
A palavra adultério é usada também, figuradamente para exprimir a infidelidade do povo eleito para com Deus.
A pratica do sexo é restrita aos casais casados. Os solteiros que mantém uma vida sexual ativa estão em pecado e são destituídos da glória do Senhor.
O mandamento do Senhor para conosco é que sejamos santos! Firmes! (“Portanto, tomai toda a armadura de Deus, para que possais resistir no dia mau e, depois de terdes vencido tudo, permanecer inabaláveis.” Ef 6.13) o suficiente para não sermos abalados por nada que se levante contra a vida, enquanto, passamos por esta terra. Os costumes comuns aos filhos dos homens, jamais deve, encontrar lugar na vida dos filhos de Deus.
“Em todas essas situações temos a vitória completa por meio daquele que nos amou. Pois eu tenho a certeza de que nada pode nos separar do amor de Deus: nem a morte, nem a vida; nem os anjos, nem outras autoridades ou poderes celestiais; nem o presente, nem o futuro; nem o mundo lá de cima, nem o mundo lá de baixo. Em todo o Universo não há nada que possa nos separar do amor de Deus, que é nosso por meio de Cristo Jesus, o nosso Senhor.” Rm 8.37-39

Aborto, o que a Bíblia diz?


No Antigo Testamento, a Bíblia se utiliza das mesmas palavras hebraicas para descrever os ainda não nascidos, os bebês e as crianças. No Novo Testamento, o grego se utiliza, também, das mesmas palavras para descrever crianças ainda não nascidas, os bebês e as crianças, o que indica uma continuidade desde a concepção à fase de criança, e daí até a idade adulta.
A palavra grega brephos é empregada com freqüência para os recém-nascidos, para os bebês e para as crianças mais velhas (Lucas 2.12,16; 18.15; 1 Pedro 2.2). Em Atos 7.19, por exemplo, brephos refere-se às crianças mortas por ordem de Faraó. Mas em Lucas 1.41,44 a mesma palavra é empregada referindo-se a João Batista, enquanto ainda não havia nascido, estando no ventre de sua mãe.
Aos olhos de Deus ele era indistinguível com relação a outras crianças. O escritor bíblico também nos informa que João Batista foi cheio do Espírito Santo enquanto ainda se encontrava no ventre materno, indicando, com isso, o inconfundível ser (Lucas 1.15). Mesmo três meses antes de nascer, João conseguia fazer um miraculoso reconhecimento de Jesus, já presente no ventre de Maria (Lucas 1.44).
Com base nisso, encontramos a palavra grega huios significando "filho", utilizada em Lucas 1.36, descrevendo a existência de João Batista no ventre materno, antes de seu nascimento (seis meses antes, para ser preciso).
A palavra hebraica yeled é usada normalmente para se referir a filhos (ou seja, uma criança, um menino etc.). Mas, em Êxodo 21.22, é utilizada para se referir a um filho no ventre. Em Gênesis 25.22 a palavra yeladim (filhos) é usada para se referir aos filhos de Rebeca que se empurravam enquanto ainda no ventre materno. Em Jó 3.3, Jó usa a palavra geber para descrever sua concepção: "Foi concebido um homem! [literalmente, foi concebida uma criança homem]". Mas a palavra geber é um substantivo hebraico normalmente utilizado para traduzir a idéia de um "homem", um "macho" ou ainda um "marido". Em Jó 3.11-16, Jó equipara a criança ainda não nascida ("crianças que nunca viram a luz") com reis, conselheiros e príncipes.
Todos esses textos bíblicos e muitos outros indicam que Deus não faz distinção entre vida em potencial e vida real, ou em delinear estágios do ser – ou seja, entre uma criança ainda não nascida no ventre materno em qualquer que seja o estágio e um recém-nascido ou uma criança. As Escrituras pressupõem reiteradamente a continuidade de uma pessoa, desde a concepção até o ser adulto. Aliás, não há qualquer palavra especial utilizada exclusivamente para descrever o ainda não nascido que permita distingui-lo de um recém-nascido, no tocante a ser e com referência a seu valor pessoal.
E ainda, o próprio Deus se relaciona com pessoas ainda não nascidas. No Salmo 139.16, o salmista diz com referência a Deus: "Os teus olhos me viram a substância ainda informe". O autor se utiliza da palavra golem, traduzida como "substância", para descrever-se a si mesmo enquanto ainda no ventre materno. Ele se utiliza desse termo para se referir ao cuidado pessoal de Deus por ele mesmo durante a primeira parte de seu estado embrionário (desde a nidação até as primeiras semanas de vida), o estado antes do feto estar fisicamente "formado" numa miniatura de ser humano. Sabemos hoje que o embrião é "informe" durante apenas quatro ou cinco semanas. Em outras palavras, mesmo na fase de gestação da "substância ainda informe" (0-4 semanas), Deus diz que Ele se importa com a criança e a está moldando (Salmo 139.13-16).
Outros textos da Bíblia também indicam que Deus se relaciona com o feto como pessoa. Jó 31.15 diz: "Aquele que me formou no ventre materno, não os fez também a eles? Ou não é o mesmo que nos formou na madre?"
Em Jó 10.8,11 lemos: "As tuas mãos me plasmaram e me aperfeiçoaram... De pele e carne me vestiste e de ossos e tendões me entreteceste".
O Salmo 78.5-6 revela o cuidado de Deus com os "filhos que ainda hão de nascer".
O Salmo 139.13-16 afirma: "Pois tu formaste o meu interior, tu me teceste no seio de minha mãe. Graças te dou, visto que por modo assombrosamente maravilhoso me formaste... Os meus ossos não te foram encobertos, quando no oculto fui formado, e entretecido como nas profundezas da terra. Os teus olhos me viram a substância ainda informe".
Esses textos bíblicos revelam os pronomes pessoais que são utilizados para descrever o relacionamento entre Deus e os que estão no ventre materno.
            Esses versículos e outros (Jeremias 1.5; Gálatas 1.15, 16; Isaías 49.1,5) demonstram que Deus enxerga os que ainda não nasceram e se encontram no ventre materno como pessoas. Não há outra conclusão possível. Precisamos concordar com o teólogo John Frame: "Não há nada nas Escrituras que possa sugerir, ainda que remotamente, que uma criança ainda não nascida seja qualquer coisa menos que uma pessoa humana, a partir do momento da concepção".[1]
À luz do acima exposto, precisamos concluir que esses textos das Escrituras demonstram que a vida humana pertence a Deus, e não a nós, e que, por isso, proíbem o aborto. A Bíblia ensina que, em última análise, as pessoas pertencem a Deus porque todos os homens foram criados por Ele.
E se você já fez um aborto?
Você já fez um aborto? Onde quer que se encontre, queremos que você saiba que o perdão genuíno e a paz interior são possíveis, e que uma verdadeira libertação do passado pode ser experimentada.
Deus é um Deus perdoador:
     "Porém tu [és]... Deus perdoador, clemente e misericordioso, tardio em irar-te, e grande em bondade" (Neemias 9.17b).
     "Pois tu, SENHOR, és bom e compassivo; abundante em benignidade para com todos os que te invocam" (Salmo 86.5).
Aliás, Deus não apenas perdoa, Ele, de fato, "esquece":
     "Eu, eu mesmo, sou o que apago as tuas transgressões por amor de mim, e dos teus pecados não me lembro" (Isaías 43.25).
Você poderá encontrar perdão agora mesmo simplesmente colocando sua confiança em Jesus Cristo. Você pode confiar nEle, virando as costas para os caminhos que você tem seguido, reconhecendo e confessando seus pecados a Ele, e voltando-se para Cristo com a confiança de que através do Seu poder, Ele haverá de lhe conceder perdão e uma nova vida. Se você deseja ter seus pecados perdoados, se deseja estar livre da culpa, se quer ter nova vida em Cristo, se quer conhecer a Deus, e se você sabe que é amada por Ele, sugerimos a seguinte oração:

Aborto, um pecado


Aborto, um pecado
O aborto é definitivamente errado. Abortar é tirar a vida de um ser humano, pois a Bíblia mostra que a vida começa na concepção. Deus nos forma quando estamos ainda no ventre da nossa mãe ("Tu criaste cada parte do meu corpo; tu me formaste na barriga da minha mãe." Sl 139.13). O profeta Jeremias e o apóstolo Paulo foram chamados por Deus antes deles terem nascido ("Antes do seu nascimento, quando você ainda estava na barriga da sua mãe, eu o escolhi e separei para que você fosse um profeta para as nações." Jr 1.5; "Porém Deus, na sua graça, me escolheu antes mesmo de eu nascer e me chamou para servi-lo." Gl 1.15). João Batista pulou no ventre de sua mãe quando a voz de Maria, a mãe do Senhor, foi ouvida ("Quando ouvi você me cumprimentar, a criança ficou alegre e se mexeu dentro da minha barriga." Lc 1.44). Obviamente, as crianças já no ventre têm uma identidade espiritual.
Desde o momento da concepção, há um progresso de desenvolvimento até chegarmos à idade adulta. Deus condenou os israelitas que estavam oferecendo seus filhos  ao deus pagão Moloque. Tais crianças eram queimadas nas chamas de sacrifício ("Se um israelita ou um estrangeiro que vive no meio do povo de Israel separar um dos seus filhos para servir o deus Moloque, ele deverá ser morto a pedradas pelo povo." Lv 20.2), oferecidos a um deus de sensualidade e conveniência. O mesmo está ocorrendo hoje e, agindo dessa maneira, nós estamos dizendo que o seres humanos não têm nenhum valor. Essa é uma marca terrível de nossa sociedade.
A Bíblia não é mais especifica na questão do aborto, porque tal prática teria sido algo impensável ao povo de Deus. Por exemplo, quando Israel estava no Egito, um cruel Faraó forçou os israelitas a matarem seus bebês recém-nascidos. Na Bíblia isso é visto como o tipo mais cruel de opressão ("O rei do Egito deu a Sifrá e a Puá, que eram parteiras das mulheres israelitas, a seguinte ordem:—Quando vocês forem ajudar as mulheres israelitas nos seus partos, façam o seguinte: se nascer um menino, matem; mas, se nascer uma menina, deixem que viva. Porém as parteiras temiam a Deus e não fizeram o que o rei do Egito havia mandado. Pelo contrário, deixaram que os meninos vivessem. Então o rei mandou chamar as parteiras e perguntou: —Por que vocês estão fazendo isso? Por que estão deixando que os meninos vivam? Elas responderam: —É que as mulheres israelitas não são como as egípcias. Elas dão à luz com facilidade, e as crianças nascem antes que a parteira chegue. As parteiras temiam a Deus, e por isso ele foi bom para elas e fez com que tivessem as suas próprias famílias. E o povo de Israel aumentou e se tornou muito forte. Então o rei deu a seguinte ordem a todo o seu povo: —Joguem no rio Nilo todos os meninos israelitas que nascerem, mas deixem que todas as meninas vivam." Ex 1.15-22). A idéia de matar seus próprios filhos teria sido uma anátema aos hebreus. Por todo o Antigo Testamento, as mulheres ansiavam por ter filhos. Os filhos eram considerados um dom de Deus. As mulheres oravam para não serem estéreis. Como poderia uma mulher justa se voltar contra seus próprios filhos para destruí-los? O aborto não é somente impensável, como também é a pior das barbaridades pagãs.
Fonte: vivos

Foto mostra inseto comendo filhote de tartaruga no Japão

Foto mostra inseto comendo filhote de tartaruga no Japão
DA BBC BRASIL

Foto mostra inseto comendo filhote de tartaruga no Japão
DA BBC BRASIL
Um pesquisador fotografou no Japão uma barata d'água no momento em que ela come um filhote de tartaruga, no que é considerada uma inversão pouco comum de papéis predatórios.
Grandes insetos da subfamília Lethocerinae são conhecidos por caçar pequenos vertebrados, incluindo peixes e sapos. Mas uma espécie particular já era conhecida por comer filhotes de cobras --e, agora, ficou comprovado que se alimenta até de tartarugas.
Shin-ya Ohba
Barata d'água agarra a vítima, o filhote de tartaruga, para se alimentar
Barata d'água agarra a vítima, o filhote de tartaruga, para se alimentar

O pesquisador Shin-ya Ohba registrou o comportamento pouco comum durante uma coleta de amostras realizada à noite na província de Hyogo, no centro-sul do arquipélago japonês.
Em um texto publicado na revista científica "Entomological Science", Ohba descreve a sua observação de um Kirkaldyia deyrolli comendo o filhote de tartaruga em um fosso próximo a uma plantação de arroz.
Usando as patas dianteiras, a barata d'água agarrou a tartaruga, enfiando seu "bico" semelhante a uma seringa no pescoço da vítima para poder se alimentar.
Anteriormente, Ohba já havia fotografado estes insetos comendo cobras.
"Todo mundo pensa que os insetos da subfamília Lethocerinae vivem de peixes e sapos. Embora comer tartarugas e cobras seja raro em condições naturais, [esta evidência] surpreende os naturalistas [por mostrar] hábitos alimentares vorazes", diz.
ESPÉCIE AMEAÇADA
Os Kirkaldyia deyrolli são nativos do Japão, onde são encontrados em plantações de arroz e se alimentam principalmente de pequenos peixes e sapos.
A espécie é considerada ameaçada pela Agência Ambiental Japonesa depois de reduções significativas em sua população nos últimos 40 anos, supostamente devido à perda de habitat e à poluição da água.
As baratas d'água são os maiores exemplares dos insetos da ordem Hemiptera.
Os integrantes da subfamília Lethocerinae são encontrados em lagoas de água fresca, lagos e córregos de baixa velocidade, além de rios nas Américas do Norte e do Sul e no leste da Ásia.
Algumas espécies do gênero Lethocerus podem atingir até 15 centímetros de comprimento, têm hábitos noturnos e sabem voar, aproveitando a luz da lua cheia para migrar. Ocasionalmente, estes insetos picam seres humanos.




Registros civis dizem que casamento gay já é possível

Registros civis dizem que casamento gay já é possível
Publicidade
LUCIANO BOTTINI FILHO
COLABORAÇÃO PARA A FOLHA
O casamento civil entre gays foi defendido nesta quarta-feira pela Arpen-Brasil (Associação dos Registradores Civis das Pessoas Naturais do Brasil). Segundo a entidade, o casamento entre pessoas do mesmo sexo se tornou possível após a decisão do STF (Supremo Tribunal Federal), que reconhece a união homoafetiva como família.
Em nota divulgada à imprensa, a associação pede que casais gays tenham "seu vínculo reconhecido definitivamente, transformando-o de precário em vínculo civil".
A entidade se reuniu anteontem em Brasília com os presidentes das Arpens estaduais para debater a possibilidade de gays que vivem como se fossem casados, na chamada união estável, converterem essa relação em casamento no cartório.
Em 20 de maio, foi registrado na cidade de São Paulo o primeiro pedido no Estado de conversão de união estável gay para casamento, em um registro civil em Cerqueira César, zona oeste.
A nota da Arpen-Brasil pede ainda apoio de todos para "reconhecer a ausência de impedimentos jurídicos ao casamento civil de pessoas do mesmo sexo".
"Os oficiais ainda estão muito temerosos de dar entrada na habilitação de casamento antes da manifestação do Judiciário sobre isso", diz o presidente de Arpen-SP, José Cláudio Murgillo.
Segundo ele, aumentou o número de consultas de gays aos registros civis perguntando sobre o casamento. "Fizemos a nota para que o Judiciário se manifeste logo."
LEIA ÍNTEGRA DA NOTA:
A Arpen-Brasil (Associação dos Registradores Civis das Pessoas Naturais) informa que, em reunião promovida ontem (25/05), em Brasília, apoia em sua totalidade a decisão do STF (Supremo Tribunal Federal) de reconhecer a entidade familiar configurada pelas uniões homoafetivas.
Mais que isso, a Arpen-Brasil defende, uma vez consagrada a união estável homoafetiva, que, em nome da segurança jurídica e da garantia dos direitos dos interessados, essas relações tenham seu vínculo reconhecido definitivamente, transformando-o de precário em vínculo civil, mediante sua conversão em casamento, nos exatos termos do art. 226, parágrafo 3º, da Constituição da República.
Por isso, a entidade conclama todos os interessados e todos os operadores do direito para que, juntos, desenvolvam esforços no sentido de superar os obstáculos que permeiam a matéria, a fim de não só possibilitar essa conversão em casamento, mas, sobretudo, reconhecer a ausência de impedimentos jurídicos ao casamento civil de pessoas do mesmo sexo.
É hora de o assunto ser tratado abertamente, sem sectarismos. E a Arpen se propõe ser o foro inicial para isso, pois, a cidadania nasce no Registro Civil das Pessoas Naturais.

Pastor Marco Feliciano será investigado por suposto racismo

Pastor Marco Feliciano será investigado por suposto racismo
A Frente Parlamentar pela Igualdade Racial vai analisar o conteúdo de discursos já proferidos pelo deputado Marco Feliciano (PSC-SP) para investigar possíveis manifestações racistas. Feliciano, que também é pastor evangélico, declarou no Twitter que “africanos descendem de ancestral amaldiçoado por Noé”.
Membro da Frente, o deputado Luiz Alberto (PT-SP) entende que os parlamentares poderão decidir por representar contra Feliciano na Câmara se constatarem que ele usou de seu posto para pregar ideias racistas.
O pastor e deputado usou seu site para se defender. Ele citou trechos bíblicos e atribuiu as acusações de racismo ao “fogo cruzado” contra evangélicos.
“Peço oração a todo o povo cristão brasileiro, os que lutam pela família, aos que amam o Senhor, e aos que me conhecem há tempos, e sabem que, como todo brasileiro, sou afrodescedente”, concluiu.

Deputado Jair Bolsonaro

As manifestações de Feliciano ocorrem ao mesmo tempo em que outro deputado, Jair Bolsonaro (PP-RJ), enfrenta representações na Câmara por racismo e homofobia. Uma delas é de autoria de Luiz Alberto.
No programa CQC, Bolsonaro foi perguntado pela cantora Preta Gil se ele permitiria que seu filho namorasse uma negra. Respondeu: “Eu não corro esse risco e meus filhos foram muito bem educados”.
“Acho que isso (racismo) vem se exacerbando no Congresso”, lamenta Luiz Alberto. Ele diz que temas como a delimitação de terras quilombolas ou a defesa da liberdade de culto das religiões africanas estimulam a reação da bancada evangélica. “Acho um absurdo que num Estado Laico os evangélicos tenham espaço no Congresso para fazer culto religioso e o mesmo direito seja negado às religiões africanas”, critica. “Há um ambiente de extremismo”.

Presidente Dilma fala sobre porque vetou o kit gay: “O Governo não fará propaganda de opção sexual”

Presidente Dilma fala sobre porque vetou o kit gay: “O Governo não fará propaganda de opção sexual”
A presidente Dilma Rousseff afirmou nesta quinta-feira (26) que não aprova o kit anti-homofobia que estava em elaboração pelo Ministério da Educação para ser distribuído como material didático às escolas. Segundo ela, o governo não pode interferir na vida privada dos brasileiros. Nesta quarta-feira (25), ela suspendeu a produção e entrega das cartilhas e vídeos contidos no kit.
“O governo defende a educação e também a luta contra práticas homofóbicas. No entanto, não vai ser permitido a nenhum órgão do governo fazer propaganda de opções sexuais”, afirmou, após cerimônia de assinatura de termos de compromisso para a construção de 138 creches.
Segundo Dilma, a função do governo é apenas educar para que se evite agressões e desrespeitos à diferença. “Nós não podemos interferir na vida privada das pessoas . Agora, o governo pode sim fazer uma educação de que é necessário respeitar a diferença, que você não pode exercer práticas violentas contra aqueles que são diferentes de você”, disse.
O kit seria composto por vídeos que tratavam de transexualidade e bissexualidade e que deveriam ser exibidos e debatidos em salas de aula do ensino médio no segundo semestre deste ano. O objetivo do material, composto de três filmes e um guia de orientação aos professores, seria trazer para o ambiente de 6 mil escolas o “tema gay” como forma de reconhecimento da diversidade sexual e enfrentamento do preconceito.
Logo depois do evento, o ministro da Educação, Fernando Haddad, afirmou que os vídeos do kit anti-homofobia poderão ser integralmente refeitos.
“A presidenta entendeu que esse material não combate a homofobia. Não foi desenhado de maneira apropriada para promover aquilo que ele pretende, que é o combate a violência. (…) Os vídeos poderão ser integralmente refeitos”, afirmou Haddad.
De acordo com Haddad, o kit anti-homofobia ainda não tinha sido aprovado pelo comitê de publicações do Ministério da Educação. Mesmo depois da rejeição da presidente, o material será avaliado pelo ministério e pela Presidência da República para que seja refeito, mas não será distribuído.
Bancada religiosa
Na quarta, após protestos das bancadas religiosas no Congressso, a presidente determinou nesta quarta-feira a suspensão do kit, informou o ministro da Secretaria-Geral da Presidência, Gilberto Carvalho.
Diante da decisão de Dilma, o ex-governador do Rio de Janeiro, Anthony Garotinho (PR-RJ), que participou da reunião com Carvalho, afirmou que estão suspensas as medidas anunciadas pelas bancadas religiosas em protesto contra o “kit anti-homofobia”. Em reunião, os parlamentares haviam decidido colaborar com a convocação do ministro da Casa Civil, Antonio Palocci, para que ele explique sua evolução patrimonial.
O ministro Gilberto Carvalho negou ter pedido que os parlamentares desistissem de trabalhar pela convocação de Palocci diante da decisão da presidente sobre o “kit anti-homofobia”.

terça-feira, 24 de maio de 2011

MANIFESTO EM FAVOR DA LIBERDADE DE EXPRESSÃO NO BRASIL

Vimos, por meio deste manifesto, declarar publicamente que a liberdade de expressão dos evangélicos no Brasil está correndo sério risco. Algumas personalidades de nossa Política estão fazendo de tudo para nos impedir de expressar nossa opinião com relação ao homossexualismo. É uma tentativa por trás dos bastidores de, literalmente, amordaçar a fé cristã que já faz parte da vida e cultura de todos os brasileiros desde que nos tornamos nação.
 É preciso que fique bem claro que não somos contra o homossexual; afinal, o ser humano é livre para decidir que rumo sua vida deve seguir. Somos contra, sim, a toda atitude que afronta os princípios morais e espirituais descritos na Bíblia, a Palavra de Deus. E, biblicamente falando, o homossexualismo é uma postura que desagrada profundamente a Deus. Se a Bíblia é o fundamento do Cristianismo, então não podemos deixar de expressá-la com todo o nosso coração, principalmente em questões polêmicas e que ferem a verdade.
 Mas de que forma a Igreja Cristã no Brasil pode ser afetada?
 Existe um projeto de lei (PL 122) que está tramitando no Congresso Nacional, que, se aprovado, tratará como CRIMINOSO todo aquele que apenas criticar o homossexual ou discordar publicamente dessa postura. Isso significa que nossos pastores somente poderão ministrar a Palavra de Deus sobre esse tema dentro das igrejas. Em outras palavras, querem nos tirar o direito constitucional de discordar de posições alheias. Como podemos permitir que uma censura desse tipo engesse nossa sociedade em pleno século XXI?
 Agora, pense um pouco... As pessoas podem criticar os governos, as religiões, as culturas, MAS se criticarem o homossexualismo poderão sofrer processo criminal! Trata-se de uma tentativa de quebrar os paradigmas que o nosso Senhor Jesus nos ensinou. Devemos amar a todos, inclusive aos homossexuais. Todavia, nosso amor não deve ser permissivo, a ponto de negligenciarmos princípios tão evidentes da Palavra.
 Neste manifesto, não estamos discutindo se o homossexual tem direito à sua opção sexual. Nosso foco é o direito que a Constituição Federal garante aos cristãos de expressar opiniões contrárias ou a favor de quaisquer temas e assuntos. Queremos, sim, ter a liberdade de discordar do homossexualismo não apenas dentro das igrejas, mas também fora delas, nas praças, nas ruas, em todo lugar.
 O que posso fazer para combater esse mal?
 Em primeiro lugar, tome posição! Como cristãos, não podemos mais nos omitir com relação a assuntos que ferem a Palavra de Deus. Não devemos ter vergonha de ser contra àquilo que a Bíblia condena. Se a Bíblia é contra o homossexualismo, então devemos ser contra também. Isso é tomar posição.
 Em segundo lugar, divulgue o conteúdo deste manifesto entre suas ovelhas, familiares e amigos. Abra um fórum de debates em sua igreja sobre esse tema. Convide pastores de outras igrejas para estar em unidade, orando juntos, intercedendo pela nossa Nação, resistindo ao mal que tenta manipular a Igreja por meio de leis funestas.
 Em terceiro lugar, encaminhe a mensagem deste manifesto para sua rede social na internet. Envie ainda e-mails para todos os deputados e senadores, para que eles saibam que você, como cidadão e eleitor, não vai permitir que políticos que não tenham compromisso com Deus assumam o poder nas próximas eleições.
 Em quarto lugar, ore sem cessar pelos nossos governantes, para que venha um temor de Deus sobrenatural no coração deles. Só assim eles retrocederão quanto a esse projeto de lei maligno.
 A Bíblia diz que “Se, pois, o Filho vos libertar, verdadeiramente sereis livres.” (João 8:36) Está na hora de lutarmos pela liberdade que temos em Jesus.
 Você vai abrir mão da sua liberdade, que Cristo lhe deu na Sua morte na cruz?
 Juntos podemos transformar o nosso Brasil! Juntos devemos resistir a todo mal! Juntos, ninguém poderá nos resistir!
 Que toda glória, honra e louvor sejam dados ao Único Deus, que sempre será digno e soberano.
 Abaixo, estão listados todos os endereços eletrônicos dos nossos deputados federais e senadores. Separe um tempo do seu dia e envie e-mails a eles, demonstrando toda a sua indignação com o Projeto de Lei 122.

DEPUTADOS FEDERAIS

segunda-feira, 23 de maio de 2011

Polêmico Pastor Ricardo Gondim perde coluna em famosa revista cristã por ser a favor da união gay

Polêmico Pastor Ricardo Gondim perde coluna em famosa revista cristã por ser a favor da união gay
O pastor Ricardo Gondim, 54, da Igreja Betesda, escreveu em seu blog que, depois de quase 20 anos como colaborador da Ultimato, ele foi “convidado” pelo conselho editorial a “descontinuar” a sua coluna na revista. Ultimato é filiada à Associação Evangélica Brasileira e à Associação de Editores Cristãos.
Gondim foi informado pelos responsáveis pela revista de que suas declarações estavam criando desconforto e tensão. A gota d’água, segundo relatou o pastor, foi a entrevista que deu à revista Carta Capital na qual defendeu a união civil de homossexuais e a observância de que o Estado é laico. Aparentemente, ele foi defenestrado menos pelo que escrevia na revista e mais pelo que dizia em outros meios.
No blog, ao comentar o “convite”, ele reafirmou: “Em um Estado laico, a lei não pode marginalizar, excluir ou distinguir como devassos, promíscuos ou pecadores, homens e mulheres que se declaram homoafetivos e buscam constituir relacionamentos estáveis. Minhas convicções teológicas ou pessoais não podem intervir no ordenamento das leis”.
Gondim tem se destacado como um contundente crítico do movimento neopentecostal brasileiro. No começo do ano, publicou em seu blog o artigo “Deus me livre de um Brasil evangélico”, com a argumentação de que, se a maioria da população do país se tornasse evangélica, o puritanismo causaria uma devastação na cultura brasileira.
À Carta Capital, ele disse que o objetivo desses evangélicos é assumir cada vez mais poder político, tendo em vista, inclusive, as eleições presidenciais.
Gondim contou que outro motivo do seu desligamento da Ultimato foi sua afirmação de que “Deus não está no controle”.
Na entrevista, ele disse: “Se Deus é bom e onipotente, e coisas ruins acontecem, então há algo errado com esse pressuposto. Minha resposta é que Deus não está no controle. A favela, o córrego poluído, a tragédia, a guerra, não têm nada a ver com Deus. Concordo muito com Simone Weil, uma judia convertida ao catolicismo durante a Segunda Guerra Mundial, quando diz que o mundo só é possível pela ausência de Deus. Vivemos como se Deus não existisse, porque só assim nos tornamos cidadãos responsáveis, nos humanizamos, lutamos pela vida, pelo bem. A visão de Deus como um pai todo-poderoso, que vai me proteger, poupar, socorrer e abrir portas é infantilizadora da vida”.
Antes de falar à revista, o pastor, por causa da mesma afirmação, já tinha enfurecido alguns dos evangélicos que o seguem no Twitter. Mas a sua entrevista gerou da parte de Klênia Fassoni, da Ultimato, a acusação de que é um “humanista”. Nas doutrinas do humanismo, o homem é senhor do seu destino – independe, portanto, de divindades. Gondim demonstrou ficar chateado com Klênia e escreveu que, sobre o seu “humanismo”, não se daria ao trabalho de reagir.
Ao jornalista Gerson Freitas Jr., da Carta Capital, Gondim (foto) disse que vem sofrendo muita pressão de seus pares por causa de suas afirmações. “Fui eleito o herege da vez”, afirmou. O que confirma agora a sua demissão da revista com o sugestivo nome de Ultimato.
Fonte: Paulopes

Kit gay: Ministério da Educação teria mentido para Bancada Evangélica e anuncia que não fará alterações

Kit gay: Ministério da Educação teria mentido para Bancada Evangélica e anuncia que não fará alterações
Em ação contra o Kit Gay, a Bancada Evangélica ameaçou uma greve paralisando as votações na Câmara caso ele fosse distribuido. Imediatamente o Ministro da Educação e coordenador da fabricação do projeto anunciou que reavaliaria o “kit anti-homofobia” e teria uma reunião com representantes evangélicos, mas segundo o jornalista e colunista da Veja Reinaldo Azevedo tudo não passou de um blefe.
Uma das principais oposições ao kit seria porque em suas cartilhas teriam conteúdos considerados não próprios para os jovens, como assuntos sobre masturbação, sexo anal e outros temas polêmicos, além dos já comentados vídeos que fariam apologia ao homossexualismo e não contra a homofobia. Como o conteúdo do kit gay é feito por ongs gays internacionais e não pelo MEC, assim que eles consideraram o trabalho terminado deixaram vazar na internet. A cartilha e documentos com o símbolo do MEC caíram rapidamente nas mãos dos deputados e os vídeos do kit gay podem ser visto online.
Para a bancada evangélica o Ministro Fernando Haddad disse que o conteúdo que viram não era do Ministério da Educação, mas em vídeo de 2010 o ex-secretário do MEC confirma o conteúdo, afirma que ele está pronto e que a única dúvida seria se no vídeo sobre as jovens lésbicas apareceria beijo, até onde a lingua poderia ir ou se haveria lingua. O kit como está deve começar a ser distribuido nas escolas a partir do segundo semestre deste ano.
Para confirmar o blefe, o próprio Ministro divulgou ainda na última semana que o Kit Gay não sofrerá alterações. Segundo ele o encontro com a bancada evangélica foi para comunicar que podem dar opinião, mas que isso não quer dizer que ele fará qualquer mudança no projeto do kit feito pelas ONGs Global Alliance for LGBT Education (Gale), uma fundação holandesa; a Pathfinder do Brasil, associada à Pathfinder Iternational, dos EUA; a Reprolatina, entidade brasileira que trabalha em parceria com a Universidade de Michigan, a Ecos – Comunicação em Sexualidade e a Associação Brasileira de Lésbicas, Gays, Bissexuais, Travestis e Transexuais.
A Bancada Evangélica ainda não anunciou o que irá fazer ou se cumprirá com a promessa de travar as votações na Câmara.
Fonte: Gospel+

quinta-feira, 19 de maio de 2011

Igreja Renascer é proibida pela justiça de reconstruir templo que desabou

Igreja Renascer é proibida pela justiça de reconstruir templo que desabou
O Tribunal de Justiça de São Paulo (TJ-SP) decidiu que a Igreja Apostólica Renascer em Cristo não pode reconstruir seu templo no terreno do Cambuci, onde, em 2009, um desabamento matou nove pessoas e deixou uma centena de feridos. Cabe recurso.
Visite: Gospel +, Noticias Gospel, Videos Gospel, Musica Gospel
A igreja tentava fazer valer o alvará que obteve da Prefeitura que permitiu a reconstrução em moldes semelhantes ao que o prédio tinha anteriormente. A obra não pôde ser iniciada, porque o Ministério Público Estadual entrou com ação civil pública contestando a autorização.
Na decisão, o desembargador Antonio Carlos Malheiros avaliou que não há como permitir a reconstrução, uma vez que o alvará tem sete ressalvas. Segundo a promotora Mabel Tucunduva, a construção é antiga – abrigava um cinema – e é anterior a leis de zoneamento. Na década de 1980, passou a ser usada pela igreja, sem ser adaptada. “Na minha visão, o uso era irregular. Havia problemas como trânsito no entorno. A igreja trazia um incômodo grande aos vizinhos”, disse.
O fato de regras urbanísticas e medidas de atenuação do impacto do tráfego não serem contempladas no projeto são argumentos do MP. O órgão diz também que a lotação da igreja, de 500 pessoas, não era respeitada.
A Prefeitura informou que já tem conhecimento da nova decisão judicial, mas não disse por que expediu o alvará. A Renascer afirmou que não existe “sentença” e não houve julgamento. Segundo o TJ, a igreja defendeu que a obra teve a anuência de todos os órgãos da Prefeitura.
Fonte: Estadão

Bancada Evangélica anuncia que impossibilitará qualquer votação enquanto o Kit Gay não for extinto

Bancada Evangélica anuncia que impossibilitará qualquer votação enquanto o Kit Gay não for extinto
O vice-presidente da Frente Parlamentar evangélica, o deputado Anthony Garotinho (PR/RJ) disse nesta terça-feira, 17, que a bancada evangélica, composta por 74 deputados, não votará “nada”, até que o governo recolha vídeos anti-homofobia.
Visite: Gospel +, Noticias Gospel, Videos Gospel, Musica Gospel
Esse material, que ainda está sob análise do Ministério da Educação, poderá ser distribuído para alunos do ensino médio das escolas públicas.
Segundo o deputado, a decisão da bancada evangélica foi tomada durante uma reunião na tarde desta terça-feira. Garotinho (foto) fez as ameaças no plenário da Câmara e foi apoiado por outros deputados.
“Esses livros ensinam inclusive a fazer sexo anal”, disse. “Não se vota nada enquanto não se recolher esse absurdo”, completou.
De acordo com o MEC, o kit de combate à homofobia nas escolas deverá ser composto de três vídeos e um guia de orientação aos professores. A ideia, ainda em análise, é enviá-los a 6.000 escolas de ensino médio no segundo semestre de 2011.
Com duração média de 5 minutos, os vídeos serão trabalhados em sala de aula pelos professores e não serão distribuídos aos alunos. O material irá tratar dos seguintes temas: transsexualidade, bissexualidade e a relação entre duas meninas lésbicas.
Fonte: Folha

Senador evangélico Marcelo Crivella escreve nova versão da PLC 122 para agradar religiosos e gays

Senador evangélico Marcelo Crivella escreve nova versão da PLC 122 para agradar religiosos e gays
O senador Marcelo Crivella (PRB-RJ) informou, em discurso nesta quarta-feira (18), ter apresentado à senadora Marta Suplicy (PT-SP), relatora do projeto de lei da Câmara (PLC) 122/06, que criminaliza a homofobia, uma alternativa ao texto. O substitutivo, disse, tem objetivo de buscar o consenso e foi apresentado também a religiosos e ativistas pelos direitos dos homossexuais.
Visite: Gospel +, Noticias Gospel, Videos Gospel, Musica Gospel
A nova proposta, segundo ele, criminalizaria a violência, o preconceito e a discriminação contra os homossexuais sem agredir o direito de sacerdotes, pastores, padres e ministros religiosos de expressarem seu pensamento e dizer que, em sua visão, o homossexualismo é pecado, sem com isso ofender e criar qualquer tipo de incitação ao ódio ou que cause violência.
- Mais do que ninguém no Brasil, os cristãos repudiam a violência sob qualquer forma, inclusive contra os homossexuais, repelem a discriminação e o preconceito e se recusam a fazer parte da ira insana dos sectários e da intolerância bruta, cruel e fria dos fanáticos. Mas os cristãos defendem também o direito de se expressar de maneira pacífica – declarou o senador.
Na opinião de Crivella, o projeto atualmente em análise na Comissão de Direitos Humanos e Participação Legislativa (CDH), que já foi aprovado pela Câmara dos Deputados, impõe uma mordaça aos religiosos.
- O PLC 122/06 já naufragou porque quer dar direitos a uns destruindo o direito dos outros, afetando cláusulas pétreas da Constituição federal.
De acordo com o senador, os religiosos interpretam que o projeto criminaliza qualquer ação, opinião ou crítica que venha a ser considera como discriminação ou preconceito quanto ao homossexualismo no Brasil, ferindo assim a liberdade religiosa e de expressão, garantida pela Constituição.
Fonte: Agência Senado
"Alegrai-vos na esperança, sede pacientes na tribulação, perseverai na oração;" Romanos 12:12
Já observou a atitude dos pássaros ante às adversidades?
 
Ficam dias e dias fazendo seu ninho, recolhendo materiais, às vezes trazidos de locais distantes...
 
E quando já ele está pronto e estão preparados para por os ovos, as inclemências do tempo ou a ação do ser humano ou de algum animal destrói o que com tanto esforço se consegui...
 
O que faz o pássaro?
 
Pára, abandona a tarefa?
 
De maneira nenhuma. Começa, uma outra vez, até que no ninho apareçam os primeiros ovos.
 
Muitas vezes, antes que nasçam os filhotes, um animal, uma criança, uma tormenta, volta a destruir o ninho, mas agora com seu precioso conteúdo...
 
Dói recomeçar do zero...
 
Mas ainda assim o pássaro jamais emudece, nem retrocede, segue cantando e construindo, construindo e cantando...
 
Já sentiu que sua vida, seu trabalho, sua família, seus amigos não são o que você sonhou?
 
Tem vontade de dizer basta, não vale a pena o esforço, isto é demasiado para mim?
 
Você está cansado de recomeçar, do desgaste da luta diária, da confiança traída, das metas não alcançadas quando estava a ponto de conseguir?
 
Mesmo que a vida o golpeie mais uma vez, não se entregue nunca, faça uma oração, ponha sua esperança na frente e avance.
 
Não se preocupe se na batalha seja ferido, é esperado que algo assim aconteça.
 
Junte os pedaços de sua esperança, arme-a de novo e volte a ir em frente.
 
Não importa o que você passe...
 
Não desanime, siga adiante.
 
A vida é um desafio constante, mas vale a pena aceitá-lo.
 
E sobretudo...
 
Nunca deixe de cantar.
 
Wesley B. Lima

quarta-feira, 18 de maio de 2011

O que é mais importante?

 "Mas que importa? Contanto que Cristo seja anunciado de toda a maneira..." Filipense 1:18
 
O que é mais importante Perdoar ou pedir perdão?
Quem perdoa mostra que ainda crê no amor.
Quem perdoa mostra que ainda existe amor para quem crê.
Mas não importa saber qual das duas coisas é mais importante.
­É sempre importante saber que:
Perdoar é o modo mais sublime de crescer
e pedir perdão é o modo mais sublime de se levantar...

O que é mais importante amar ou ser amado?
Amar significa tudo aquilo que todo mundo deve.
Ser amado significa tudo aquilo que todo mundo deseja
Mas não importa saber qual das duas coisas é mais importante
E sempre importa saber que;
Ninguém pode querer amar sem se esquecer,
e ninguém pode querer ser amado sem se lembrar de todos

O que é mais importante Abrir a porta ou abrir o coração?
Quem abre a porta mostra que vai receber alguém
Quem abre o coração quer que ninguém fique fora.
Mas não importa saber qual das duas coisas é mais importante
E sempre importa saber que:
Abrir a porta é o modo mais delicado de ser bom
e abrir o coração é o modo divino de amar...

O que é mais importante Ir á lua ou ficar na terra?
Quem vai á lua vê mais um tanto de tudo que Deus fez.
Quem fica na terra vê mais um tanto do que o homem pode.
Mas não importa saber qual das duas coisas é mais importante
E sempre importa saber que:
Quem vai à lua deve voltar à terra,
e quem fica na terra deve ir aos outros...

O que é mais importante Dar ou estender as mãos?
Quem da mostra que se despoja de alguma coisa.
Quem estende as mãos mostra que quer alcançar alguém
Mas não importa saber qual das duas coisas é mais importante
E sempre importa saber que:
Dar é um gesto de bondade, e estender as mãos
É um gesto de bondade que sublima...

O que é mais importante; Levar rosas ou enxugar lágrimas?
Quem leva rosas mostra que se lembrou de alguém na felicidade.
Quem enxuga lágrimas mostra que não esqueceu de alguém na infelicidade.
Mas não importa saber qual das duas coisas é mais importante
E sempre importa saber que:
Levar rosas é um gesto de amor que todo mundo faz,
e enxugar lágrimas é um gesto que só o amor faz a todo mundo!...

Não importa como pregamos o evangelho 
O que sempre importa é levarmos as boas novas a todas as nações. 

Wesley B. Lima

terça-feira, 17 de maio de 2011

Câmara de SP aprova projeto que proíbe sacolas plásticas no comércio

SÃO PAULO - A Câmara Municipal de São Paulo aprovou nesta terça-feira, 17, o texto substitutivo ao Projeto de Lei 496/2007, que proíbe a distribuição e venda de sacolas plásticas no comércio da capital paulista. Foram 31 votos favoráveis, 5 contrários e 12 abstenções. O projeto segue agora para sanção do prefeito Gilberto Kassab.
O texto da lei incentiva o uso de sacolas retornáveis ou de material resistente. Ele proíbe ainda os fabricantes, distribuidores e estabelecimentos a inserirem nas sacolas plásticas o rótulo de degradáveis, oxidegradáveis, oxibiodegradáveis, foto-degradáveis e biodegradáveis.
Os estabelecimentos comerciais serão obrigados a exibir placas informativas, com as dimensões de 40 cm x 40 cm, com os dizeres "Poupe recursos naturais! Use sacolas reutilizáveis."
Se sancionada, a lei será implementada até 31 de dezembro de 2011. Seu descumprimento implicará multa de entre R$ 50,00 e R$ 50 milhões. A fiscalização da aplicação da lei será feita pela Secretaria Municipal do Verde e Meio Ambiente.

Fonte: Estadão.com.br
 

Aos 92 anos, Billy Graham é internado com pneumonia

Aos 92 anos, Billy Graham é internado com pneumonia
O “pastor dos presidentes” e evangelista de renome mundial Billy Graham foi admitido ao hospital na manhã quarta-feira para tratamento de pneumonia e pulmão.
Visite: Gospel +, Noticias Gospel, Videos Gospel, Musica Gospel
Ele disse estar descansando confortavelmente no Mission Hospital em Asheville, Carolina do Norte, onde foi internado depois de ter dificuldade para respirar.
Um porta-voz de Graham, disse que o evangelista de 92 anos foi colocado sob um curso de antibióticos e que os médicos não acreditaram em uma condição de risco de vida.
“Ele teve uma ligeira febre e dificuldade respiratória experiente, mas ele nunca esteve em perigo ou em situação aguda,” disse o porta-voz de Larry Ross.
O médico primário de Graham, o Dr. Lucian Rice, disse em um comunicado divulgado pelo hospital: “Ele está descansando confortavelmente e está totalmente alerta.”
Dr. Shaw Henderson também confirmou que “ele está clinicamente estável neste momento.”
Nenhuma data foi marcada para a sua liberação.
O pregador atualmente passa a maior parte de seu tempo em sua casa de montanha em Montreat, Carolina do Norte. Graham sofre de um certo número de condições relacionadas com com sua idade, incluindo a degeneração macular e sua audição diminuiu nos últimos anos.
Ele tem pregado o Evangelho em pessoa e através de rádio e TV para cerca de 2,2 bilhões de pessoas no mundo inteiro.
Ele manteve a sua última cruzada evangelística em Flushing Meadows, em Nova York em 2005. Desde então, ele fez apenas breves aparições em público, embora ele continue a atender os visitantes de destaque ao longo do tempo.
Em dezembro passado, ele recebeu o ex-presidente George W. Bush e sua esposa Laura à Biblioteca Billy Graham, em Charlotte, NC, onde autografou cópias de seu livro de memórias.
Graham encontrou ou ministrou a todos os presidentes dos EUA desde 1950. Um hóspede em sua casa no ano passado foi o presidente Barack Obama, que pagou uma visita não muito tempo depois de sua eleição.
Apesar de aposentado, Graham mantém-se com os acontecimentos do ministério na Associação Evangélica Billy Graham, agora dirigida por seu filho, Franklin, e com os atuais acontecimentos através da mídia. Ele passa a cada dia no estudo da Bíblia e oração com a família e funcionários. O pastor amado também está trabalhando no livro sobre o envelhecimento e “preparação espiritual e emocional necessário pelo que ele encontrou ser os anos mais gratificantes da vida,” de acordo com Ross.
Fonte: Christian Post

Ex-jogador e ex-pastor, tetra-campeão Müller hoje passa por dificuldades e mora de favor

Ex-jogador e ex-pastor, tetra-campeão Müller hoje passa por dificuldades e mora de favor
Bicampeão mundial pelo São Paulo no início da década de 1990, o ex-atacante Müller, campeão da Copa do Mundo de 1994 pela Seleção Brasileira, vive longe dos dias de glória alcançados com a tradicional camisa tricolor. Longe dos gramados, o antigo atleta vive um drama e convive com o ostracismo, fruto do desemprego e da falta de recursos. Em entrevista à TV Record, que exibido no sábado (14/05), no programa Esporte Fantástico, ele contou as dificuldades enfrentadas atualmente.
Visite: Gospel +, Noticias Gospel, Videos Gospel, Musica Gospel
Afastado dos holofotes da fama futebolística e sem emprego atualmente, o tetracampeão mundial está vivendo de favor na casa do ex-companheiro de São Paulo Pavão. Apesar de ter disputado três Copas do Mundo e ser reconhecido por craques como Zidane, o antigo atleta do São Paulo procura retomar a vida e ganhar dinheiro com a carreira de treinador – o último trabalho como comandante foi no Imbituba, de Santa Catarina, neste ano de 2011 (deixou o clube em abril).

Carta da Neuza Itioka comentada por Valtenir Porto

Amados irmãos em Cristo!

Graça e Paz!

Nos últimos meses recebi várias vezes o e-mail abaixo, remetido por vários irmãos...
Conheço pessoalmente a irmã Dra. Neuza Itioka e acompanho o seu trabalho em prol do crescimento e amadurecimento da Igreja do Senhor em nossa terra. Recomendo a leitura atenta do contido abaixo, como também, do recomendado por essa serva de Deus, para os dias que estamos vivendo!

Até receber esse e-mail, desconhecia a profecia do rabino judeu-alemão Judah Ben Samuel sobre os nossos dias...
Entretanto, tenho ensinado nesses anos, que Jesus poderá estar realmente reinando sobre a terra no chamado "Milênio ou Governo Milenial", até 2018, caso estejam corretas as "duas especulações" que faço (chamo mesmo de "especulações" porque na verdade é o que são e não passam disso...), quais sejam:

              1ª - Que a "figueira" mencionada por Jesus em Mateus 24:32, no "sermão profético", seja um "símbolo de Israel", que voltou a "brotar" em 14/05/1948 (quando foi proclamado e instalado o moderno Estado de Israel por Ben Gurion e que ontem completou 63 anos!), ou como poder-se-ia também pensar, em 27/11/1947, quando a ONU, por Resolução, criou dois Estados naquela área (um Judeu e outro Palestino, que na época os árabes rejeitaram e partiram para a guerra, a fim de "varrer do mapa o estado judeu"..., e que hoje tanto desejam, e querem invocar a mesma Resolução da ONU que repudiaram, para proclamá-lo!!!); e
               2ª - Que uma geração na Bíblia (mencionada por Jesus no mesmo texto de Mateus 24:34), dure, de fato, 70 anos! (27/11/1947 mais 70 anos = 2017 ou 14/05/1948 mais 70 anos = 2018... Se for este o caso, começamos HOJE (15/05/2011) os últimos 7 anos de governo do Homem sobre a terra, já que no Milênio quem a governará, será o Senhor Jesus Cristo, juntamente com a Sua Igreja que, penso eu, Ele viria buscar 3 anos e meio antes (Mat. 24:15; Daniel 9:27 e II Tes. 2:1 a 4, etc...).

Assim sendo, meus amados irmãos, mais do que nunca precisamos nos preparar em SANTIFICAÇÃO para o Arrebatamento que se aproxima (seja lá o ano que for, pois tanto o rabino Ben Samuel como eu, como também outros que assim especulam, podemos estar inteiramente errados!), mas creio que numa coisa estamos todos concordes - ESTÁ MUITO PERTO O DIA - em face dos sinais mencionados na Bíblia e que ocorrem diante dos nossos olhos... Dentre os quais, os mais significativos para mim são: a volta dos Judeus do mundo inteiro para a antiga terra que ocupavam e a subseqüente criação do moderno Estado de Israel; o aumento da violência no mundo (Dias de Noé) e o aumento assustador da Sodomia no mundo (Dias de Ló), com "Parada Gay" até mesmo em Israel!!!!!
Por último, QUE FIQUE BEM CLARO PARA TODOS, QUE NÃO ESTOU MARCANDO DATA PARA A VOLTA DE JESUS, NEM PARA O ARREBATAMENTO DA IGREJA, mas que se trata apenas de um mero exercício de ESPECULAÇÃO, que entendo seja permitido pelo próprio Senhor Jesus Cristo em Mateus 16:1 a 4 quando disse:

                "... Ao cair da tarde dizeis: Haverá bom tempo, porque o céu está rubro. E pela manhã: Hoje haverá tempestade, porque o céu está de um vermelho sombrio. Ora, sabeis discernir o aspecto do céu, e não podeis discernir os sinais dos tempos?..." (grifei).

Assim, a especulação acima não passa de uma mera tentativa minha de "discernir os sinais dos tempos".....

Fraternalmente em Cristo!
Pr. Waltenir Pereira Porto

------------------------------------------------------------------Agora leia abaixo o que escreveu a Dra. Neuza Itioka...............................................................................





carta 2011 - comentada
http://www.agapereconciliacao.com.br/v3/artigo.asp?id=74

Por: Neuza Itioka em 14/01/2011
Amados,
A paz do Senhor Jesus Cristo!
Viemos para esta cidade passar alguns dias de férias merecidas, mas, na realidade, Deus tem nos direcionado a buscá-Lo. Temos lido a palavra para ouvi-Lo e nos fortalecemos com jejum e oração.
Neste ano que está finalizando, 2010, uma das coisas que fizemos foi orar e trabalhar para que os princípios do reino fossem estabelecidos por meio do novo governo. Contudo, aparentemente o que se vê é a tendência da iniquidade se multiplicar. E assim como igreja e como nação, teremos de enfrentar uma situação difícil aos olhos dos servos de Deus. Mesmo assim glorificamos a Deus, pois Ele está em controle! O Senhor reina, como diz o salmista. No meio de aparente caos, o Senhor está em perfeito controle. 
E, assistindo aos DVDs da NOVA ORDEM MUNDIAL, apregoado por vários líderes, especialmente às 13 famílias mais ricas e poderosas do mundo, famílias essas que se colocam como dominadoras do mundo, entendemos claramente que o Brasil caminha a passos largos, pela agenda da "elite mundial".
O nosso governo adotou a agenda da "elite mundial", chamada Iluminates, do mesmo modo que foi adotada pela ONU - Organização das Nações Unidas. E isso está acontecendo para acelerar a vinda do Anticristo. Assim, entendemos que tudo aquilo que lutamos contra está dentro do programa deles: a dissolução de família; a aprovação do aborto; o infanticídio; agenda homossexual; a pedofilia; a educação sexual pervertida das crianças; a adoção da feitiçaria como uma das nossas raízes (cultura africana); eliminação de símbolos religiosos de toda repartição pública da nação; a tentativa de fazer do Brasil, um modelo light de socialismo; imposição de imposto às igrejas evangélicas; a supressão da liberdade religiosa e liberdade de expressão.  E essa insistência de se alinhar com nações que têm como alvo a eliminação de Israel do mapa também está dentro de tal visão.   
Perguntávamos por que o nosso governo estava se conduzindo de maneira tão louca e irracional, desrespeitando a visão e a convicção mais conservadora da grande população brasileira e apresentando um programa diametralmente oposto ao povo evangélico que cresce cada dia, a despeito de todos os problemas que apresentamos. Hoje, entendemos o que de fato está acontecendo. O nosso governo juntamente com outros é apenas uma marionete na mão dos dominadores deste mundo.
 
Diante de tudo isso, o que Deus tem falado é que neste futuro próximo, a partir de 2011, teremos momentos difíceis de tristeza, sofrimento e dor. E, para enfrentarmos essa situação, temos de buscá-Lo em jejum e oração. Se até agora trabalhamos muito, teremos de trabalhar mais. Os verdadeiros guerreiros descobrirão o descanso espiritual em meio à luta, pois a guerra é do Senhor.
Ele nos deu armas: a espada do Espírito, com a palavra de Deus que se transforma em decretos poderosos; a tocha flamejante que se constitui de mãos ungidas que se levantam para guerrear; a revelação da estratégia de Deus.
E, como o apóstolo Paulo diz aos Tessalonicenses, que conservemos a fé e confiança absoluta em Deus, na sua bondade ilimitada e no seu grandioso poder, em todas as circunstâncias, sejam de perseguição ou injustiça; que a nossa esperança na salvação prometida por Deus, seja constantemente renovada; e a nossa perseverança em seguir a Jesus Cristo, em meio ao sofrimento seja inabalável; e que o amor a Deus e para uns pelos outros seja algo transbordante nas nossas vidas.  Recomendamos ao povo mais próximo que leia 20 vezes as epístolas I e II.
Deus nos disse, em recado pessoal que, para este tempo, a arma mais poderosa é o amor. Devemos receber o amor renovado de Deus, cultivá-lo, para que a força dele nos uma e destrua toda barreira entre os irmãos, para confrontamos o inimigo.
  
A crise, a perseguição e as dificuldades mostrarão, verdadeiramente, quem somos. Muitos continuarão a lutar e apregoar os valores do reino: a santidade, a obediência a Deus, a honra à palavra, a verdade, a vida plena em Cristo; a expansão do reino, a missão da Igreja; a guerra espiritual, a libertação e a cura. Mas outros vão se conformar com a Nova Ordem Mundial e se alistarão ao programa de eliminação de 90% da população mundial, seja por meio de guerras, de disseminação ilimitada das drogas, de holocausto silencioso e imperceptível de milhões de abortos, sacrifício dos fetos no altar de Moloque ou por destruição paulatina da família.

Deus já ordenou que precisamos nos  arrepender pela igreja que dorme o sono da última hora, antes do aparecimento do Noivo. Esse arrependimento consiste em chorar, agonizar e confessar por identificação os pecados dos líderes da igreja que traíram a noiva de Cristo: arrependamo-nos por aqueles que venderam a igreja; que a conduziram ao engano, que estabeleceram alianças direta e indiretamente com a Nova Ordem Mundial, por meio das alianças. Devemos nos arrepender pelo povo, idólatra dos seus líderes, ignorante da palavra de Deus, que está sendo conduzido para o inferno sem saber.
O nosso arrependimento inclui também arrependimento por milhares de crentes que estão se direcionando ao inferno, estão "brincando" como seguidores de Jesus Cristo. O evangelho de Jesus Cristo que iniciava com o negar a si mesmo foi substituído pelo evangelho "de engorda" do EU e da prosperidade barata, de construir os seus impérios e a busca do paraíso na terra. 

O arrependimento pela idolatria do ministério, da reputação, da fama e do sucesso a qualquer preço está deixando o povo susceptível ao engano, à cegueira espiritual e a seguir falsos pastores, mestres, profetas e apóstolos, algo que Jesus Cristo havia nos advertido há muito tempo. É bom lembrar-se das revelações que o Senhor trouxe a sete jovens da Columbia, USA, em 1996, de que no inferno, no pior lugar de maior tortura, encontram-se os que um dia conheceram a Deus e que pregaram uma coisa, mas viveram outra, contradizendo-se.    

De acordo com alguns estudiosos e profetas, incluindo o rabino Ben Samuel que profetizou que provavelmente, em 2018, o Messias Jesus inauguraria o seu reinado do milênio.  Sim, de acordo com os acontecimentos, a figueira que representa Israel floresceu em 1947 e o Senhor disse que, a geração que assistiu o florescimento não passaria, até que todas estas coisas acontecessem. Uma geração dura 70 anos.  De 1947 mais 70 anos corresponde a 2017 (Lc. 21; 29-33).

Amados, o parágrafo acima causou muita controvérsia. Disseram que eu disse que Jesus voltaria nesta data. EU NÃO DISSE QUE ELE VOLTARIA.
Apenas estou citando um rabino alemão que profetizou antes de morrer, em 1217, que Jerusalém seria tomado por turcos otomanos por oito jubileus, isto é, 400 anos. E isso aconteceu depois de 300 anos da morte dele. De fato, em 1517 inicia a tomada dos turcos até 1917. 
O rabino então passou a dizer que após os oito jubileus, quando começaria o jubileu nono, Jerusalém não seria uma terra de ninguém (período de 1917 a 1967) até a guerra de seis dias em 1967. A profecia do rabino então declarou que, no décimo jubileu, Jerusalém seria controlada por Israel e, em seguida, o fim dos tempos messiânicos começaria. Daí, então, o momento do fim nos anos de 2017 ou 2018.
E outros estudiosos falam que a figueira símbolo de Israel floresceu no ano de 1947, fez-se nação e, acrescentando os 70 anos considerados, o tempo de uma geração.
E, eu continuei...
Aparentemente, o Messias está para voltar logo e logo. Você e eu poderemos estar no meio desta igreja que sobe ou daquela que fica porque uma parte participou da boda do cordeiro, porém a outra metade não, de acordo com a parábola de dez virgens (Mt.  25:1-12). E, de acordo com Apocalipse 12, a mulher (a igreja) deu à luz um menino que foi arrebatado e a mulher teve que ir para o deserto. Seremos a igreja que vai para o deserto ou faremos parte do filho que vai ser arrebatado por Deus? Portanto, quando virmos estas coisas acontecendo, devemos levantar as nossas cabeças, pois estará próxima a nossa redenção.
Conforme a palavra de Deus, continuaremos a trabalhar muito, orando e profetizando a transformação das nossas famílias, igrejas, vilas, bairros, cidades e nações.
Que você seja vitorioso, segundo os planos de Deus em 2011. Veremos a bondade de Deus, o seu poder e a sua misericórdia pelo povo de Deus, em meio ao aparente caos, pois Ele reina.

Neuza Itioka

*******************************************************************************************

Leia abaixo a profecia do rabino judeu Judah Ben Samuel, sobre os nossos dias.
Em junho de 2009 um e-mail foi enviado falando sobre um rabino pouco conhecido que profetizou algo sobre o Israel de hoje. De acordo com este artigo, o Rabino Judah Ben Samuel era um erudito talmúdico superior na Alemanha. Pouco antes de morrer no ano de 1217 ele profetizou que os turcos otomanos reinariam sobre a cidade santa de Jerusalém por oito jubileus. Isso é 400 anos (8 x 50).
 Os turcos otomanos tomaram o controle de Jerusalém 300 anos depois da morte do rabino em 1517 e, de acordo com a profecia, os turcos otomanos, em seguida, perderiam Jerusalém depois de 400 anos em 1917.

 Foi durante a Primeira Guerra Mundial que o general britânico Edmund Allenby entrou em Jerusalém, no dia de festa de Hanukkah (Chanucá) sem disparar um tiro sequer em 1917. O calendário com o feriado e a facilidade em que ocorreu este fato faz este momento histórico extremamente significativo.

 A chave foi a entrada de Allenby em Jerusalém durante o início da festa de Hanukkah. Com a Primeira Guerra Mundial em curso, com nação se levantando contra nação e reino contra reino não foi adicionado esta importância. Em 1917, todas as nações estavam envolvidas na guerra. Mas o pontapé inicial para o dia da Primeira Guerra Mundial foi o 9 de Av 2014, quando a Rússia e a Alemanha entraram na guerra, que estabeleceu a pluralidade das nações envolvidas nesta guerra.
 Um estudioso das Escrituras notou então sobre a contagem de dias encontrados em Daniel, estes dois dias apareceram na tela do radar como dias que foram o segundo dia do Chanucá (Kislev 26) e 9 de Av  Com esses dias que ocorrem em 1914 e 1917, verificou-se que 100 anos depois do espaçamento do mesmo dia, foi encontrado algo que permite a contagem dos dias finais de Daniel que devem ocorrer. Contando 100 anos depois de 1917, sendo o limite de uma geração encontrada na Bíblia (como definido por 4 gerações de Abraão, de um total de 400 anos - é uma coincidência que a profecia do rabino de 400 anos também termina em 1917?).

 O rabino então passou a dizer que, após os oito jubileus, que seria o jubileu nono, Jerusalém não seria uma terra de ninguém, que foi o período de 1917-1967 até a Guerra de Seis dias em 1967. A profecia do rabino então declarou que, no décimo Jubileu, Jerusalém seria controlada por Israel e, em seguida, o fim dos tempos messiânicos começaria. O momento do final seria, então, entre os anos de 2017 ou 2018.

 O Artigo saiu nesta revista na internet: http://issuu.com/ryaninzion/docs/israel_today_march_2008/18

Por. Pastor Wesley Lima