Me acompanhe pelo e-mail

terça-feira, 23 de agosto de 2011

Outdoors com versículos bíblicos são censurados pela justiça por homossexuais se sentirem ofendidos

Outdoors com versículos bíblicos são censurados pela justiça por homossexuais se sentirem ofendidos
Foi retirada a mensagem contra gays contida em um outdoor de Ribeirão Preto, no interior de São Paulo, após determinação da Justiça. Neste domingo (21), dia em que a cidade é palco da 7ª Parada do Orgulho LGBT, a frase bíblica já não era mais vista.
Uma liminar concedida pela Justiça no início da noite da sexta-feira (19) determinou a retirada imediata do cartaz próximo à Câmara Municipal.
O juiz substituto da 6ª Vara Cível de Ribeirão Preto Aleksander Coronado Braido da Silva determinou que a mensagem não seja publicada em nenhum outro meio de comunicação. Caso a decisão não seja cumprida, o responsável pagará uma multa de R$ 10 mil. O defensor público Victor Hugo Albernaz Junior, que entrou com a ação civil pública na tarde da sexta-feira, alegou homofobia. “As frases usadas eram agressivas, discriminatórias e com conteúdo homofóbico”, afirmou.
“Tínhamos urgência para não ter uma discussão maior durante o evento (a Parada Gay). Tentamos uma negociação antes de entrar com a ação, mas a pessoa com quem fizemos contato não demonstrou intenção de retirar o outdoor.”

Manifestação

Segundo o coordenador geral de infraestutura da Parada Gay, Fábio de Jesus, o outdoor era ofensivo. “Aceitamos qualquer manifestação bíblica, mas somos contra o que nos ofende. Até mesmo os heterossexuais que são simpatizantes do LGBT estão sendo ofendidos com a mensagem”, afirmou.

Fonte: G1

Nenhum comentário:

Postar um comentário